Sentimentos guardados


Nos armários mais fundos
guardados nas profundezas
estão segredos profundos
secretamente nas certezas

Das gavetas mais fundas
dos arredores esquecidos
das lembranças profundas
dos sentimentos vividos

Daquelas loucas recordações
que amorosamente nos uniu
selando os nossos corações
dos sons que nunca se ouviu

Das nossas cartas de amor
que para eu, tu as entregou
daquele breve esplendor
que o meu coração marcou

Com a sublime sinceridade
que um coração pode doar
na mais perfeita realidade
que nós podemos nos amar

Aos esconderijos voltando
daqueles armários loucos
vejo-me de novo viajando
e tropeçando aos poucos

Pois, em cada sutil pensar
sou levado aos sentimentos
que me fizeram caminhar
nos terríveis sofrimentos

Comentários

  1. Belíssimo, Sun!
    Nada mais posso dizer, pois poeta não sou...
    Deixo minha admiração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada E.P. Gheramer!
      Uma excelente semana! :D

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Eu te Amo!

Pessoas especiais